Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
Nossa Senhora dos Navegantes | Ronda Alta

Nossa Senhora dos Navegantes | Ronda Alta

Pároco: Padre Leandro de Mello
Número de comunidades: 33
Data da fundação: 11 de dezembro de 1959

Expediente na secretaria:
Segunda-feira: 13:30 às 18hs
Terça a sexta- feira : das 8hs às 11:30hs e das 13:30 às 18hs
Sábado: 8hs às 11hs

 
 
 

Sob o aspecto religioso, a maior parte do atual município de Ronda Alta, antes de ser paróquia, era atendida pelos padres de Constantina. Pequena parte era da Paróquia de Rondinha e outra pequena parte de Nonoai. Os padres de Constantina, que eram da Congregação do Verbo Divino e atendiam a atual sede da Paróquia, vinham nos primeiros tempos até Ronda Alta no lombo de burros ou cavalos.

A primeira capela, de madeira, foi construída lá pelos anos de 1940 e o primeiro padroeiro, escolhido nesta ocasião, foi São Jorge. A localidade foi crescendo lentamente e foi surgindo um sonho: ser sede paroquial. Isto aconteceu efetivamente no dia 13 de dezembro de 1959, quando Dom Cláudio Colling criou a paróquia, desmembrando-a de Constantina, Rondinha e mais tarde de Nonoai. Digno de registro é a mudança do padroeiro, ocorrida logo após o Concilio Vaticano II e por influência do mesmo. Em 2 de janeiro de 1967, por votação da comunidade e desempate de Dom Cláudio Colling, foi escolhida como padroeira Nossa Senhora dos Navegantes.

A primeira Casa Canônica foi construída em 1962 pelo primeiro pároco, Pe. Wolfgang Grabosch e só foi substituída em 2003, com a moderna Casa Paroquial atual, construída pelo oitavo pároco Pe. Jorge Zanini. Em 1968 foi derrubada a velha Igreja Matriz e no mesmo ano foi inaugurada a atual Igreja Matriz. Também é de constar o fato de os padres do Verbo Divino entregarem a Paróquia no clero diocesano, no dia 18 de fevereiro de 1977. O atual Salão Paroquial foi construído sob a orientação do Pe. Arnildo Fritzen, sexto pároco e primeiro padre diocesano, substituindo um velho casarão de madeira, construído ainda nos anos 1969 e 1970.

Digno de registro foi o fato de o Pe. Arnildo Fritzen ter sido pároco de Ronda Alta por cerca de vinte e três anos e meio, de 1977 até o ano 2000, coincidindo com um tempo de muitas perturbações sociais. Grandes fazendas ocupavam largas extensões de terra, enquanto milhares de agricultores não tinham terra ou não a tinham para seus filhos. Surgiu, neste caldeirão, o Movimento dos Sem-Terra, que organizou acampamentos e movimentou a classe trabalhadora na agricultura em todo o Brasil. Os nomes de Encruzilhada Natalino e Fazenda Anoni percorreram o Brasil e a luta pela terra consumiu anos de esforço. O apoio da CPT (Comissão Pastoral da Terra), a realização de Romarias da Terra, a presença ativa do Pároco Pe. Arnildo, marcaram a ação da Igreja em momentos decisivos e cruciais do povo sofrido em busca de terra para trabalhar. Alguns anos depois, a comunidade paroquial e municipal mostrou sinais de cansaço e desunião.
O novo pároco, Pe. Jorge Zanini, assumiu a responsabilidade da paróquia em janeiro de 2001, em meio a um clima ainda muito confuso e nebuloso. Aos poucos conseguiu a superação de muitos problemas e a comunidade cresceu novamente em torno da paróquia. Em pouco tempo construiu nova Casa Paroquial, complementou e reformou o Salão Paroquial, remodelou a Matriz e deu um novo ânimo à comunidade. A comunidade católica continua a crescer em união e fidelidade ao Evangelho.

 
 
Local e Contato

Endereço: Rua Sete de Setembro, nº 86 CEP: 99670-000 | Ronda Alta - RS
Telefone: (54) 3364-1212
WhatsApp: (54) 98402-9189
e-mail: nsnavegantesra@arquidiocesedepassofundo.com.br

 
 
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | sala 401 Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | sala 410 Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2024 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.