Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
Arquidiocese
 
11.Jan - Arquidiocese de Passo Fundo se despede de Padre Ivo Barth
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Arquidiocese de Passo Fundo se despede de Padre Ivo Barth

 

Faleceu, no final da tarde deste domingo, 10 de janeiro, no Hospital São Vicente de Paulo, o pároco da paróquia São João Batista, de Colorado, Padre Ivo Barth. Aos 77 anos, Pe. Ivo estava internado no Hospital São Vicente de Paulo e lutava contra o vírus que abalou o mundo todo, o Covid-19. Devido às restrições impostas pela pandemia, o velório acontecerá no Cemitério Paroquial de Selbach, restrito para somente familiares.


Como sacerdote


Natural de Selbach, nasceu no dia 02 de maio de 1943, sentiu o chamado participando do ambiente religioso da família, com a presença de dois tios padres: Pe. Luis e Dom João Hoffmann, primos seminaristas, além de seus dois irmãos que também se tornaram padres, Pe. Aldino e Pe. Adalíbio.

 

Sua Ordenação Sacerdotal aconteceu no dia 12 de julho de 1969, na Igreja São Tiago, realizada por seu tio Dom João Hoffmann. O seu lema escolhido foi “Para lembrar a todos que é uma entrega alegre”, pois acreditava que o padre deveria ser uma pessoa alegre e otimista.


Atuou, então, por toda a Arquidiocese de Passo Fundo, nas paróquias Nossa Senhora da Glória, em Carazinho, São Cristóvão, em Passo Fundo, Nossa Senhora dos Navegantes, em Nova Boa Vista, entre outras. Até o momento de sua internação estava trabalhando como pároco na Paróquia de São João Batista, em Colorado. Atuou também como Promotor Vocacional da então Diocese de Passo Fundo, como Assistente Eclesiástico do CLJ (Curso de Liderança Juvenil) e também como Reitor do Seminário Menor Sagrado Coração de Jesus, em Tapera.


Testemunho Sacerdotal


No livro “Nossos padres, nossos heróis” produzido por Dom Pedro Ercílio Simon e Teresinha Toscani, Pe. Ivo conta que nas comunidades onde passava, nunca esperava por reconhecimento ou aplausos, foi tudo para servir.

 

“Nunca me preocupei com elogios ou críticas, pois os elogios podem tornar a pessoa orgulhosa e as críticas, podem abalar. Tenho sim a preocupação de cumprir uma missão em nome de Cristo. Lembrava sempre que o maior crescimento era a vida espiritual, a vida de fé, fraternidade vivida, participação na igreja, a comunhão com Cristo”, enfatizou, na época.

 

Trabalho com os jovens


No livro, Pe. Ivo também destacou a importância do trabalho e cuidado constante com relação aos jovens. Ele explica que eles trazem uma grande inquietação, e comenta que hoje, a preocupação do jovem ganhou uma nova direção: em relação ao seu mundo interior, é mais profunda e existencial, pois procura um sentido para a sua vida, e este vazio, só Cristo é capaz de preencher.


A Arquidiocese de Passo Fundo lamenta a perda e pede à comunidade que se una em oração pelo Pe. Ivo Barth e, também, por seus familiares e amigos que, agora, sentem a dor da ausência e esperam, em Cristo, pelo conforto. Dai-lhe Senhor o descanso eterno. E que a luz perpétua o ilumine. Descanse em paz. Amém.

 

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Passo Fundo
imprensa@arquidiocesedepassofundo.com.br

 

 


Indique a um amigo
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 2º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2021 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.