Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
Notícias da Igreja
 
01.Ago - Agosto: Mês Vocacional
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Agosto: Mês Vocacional

“Antes de formar você no ventre de sua mãe, Eu o conheci. Antes que fosse dado à luz, Eu o consagrei para fazer de você profeta das nações!” (Jr 1, 5)

 

Celebrar as vocações é, para a Igreja, um dos propósitos do mês de agosto, conhecido, desde 1981, como o Mês Vocacional. Período para refletir, celebrar e estimular o despertar das vocações especialmente entre os jovens, o Mês Vocacional – instituído pela CNBB – tem o objetivo, também, de conscientizar as comunidades da responsabilidade que elas compartilham no processo vocacional. Assim, a proposta é de que, a cada domingo, a Igreja do Brasil reze por cada uma das vocações celebrando, assim, os dias do padre, da família, dos religiosos, dos leigos e dos catequistas.



Seguir Jesus à luz da fé

Mais do que recordar, o Mês de Agosto propõe a reflexão sobre a vocação sacerdotal, familiar, religiosa, leiga e, ainda, sobre o papel do catequista no processo de evangelização a fim de criar uma cultura vocacional na juventude e nas comunidades católicas. Neste ano, o tema - “Seguir Jesus à luz da fé” - e lema - “Sei em quem acreditei” (2Tm 2,12) – do Mês Vocacional orientam as reflexões e celebrações em todas as paróquias. O Regional Sul 3 da CNBB, atento à realidade local e, também, à Ação Evangelizadora Cada Comunidade Uma Nova Vocação, definiu o tema “Chamados a discernir à luz da fé” para orientar as comunidades.

 

Oração e testemunho

Para o padre Éberson Fontana, parte do Serviço de Animação Vocacional da Arquidiocese – o mês de agosto é o momento de intensificar as orações pelas vocações. “É uma boa oportunidade para as comunidades rezarem a partir da temática da vocação. Sabemos que a cada final de semana recordamos uma das vocações e todas elas são importantes para a vida da Igreja quando caminham no mesmo sentido e estão colocadas para o seguimento de Jesus Cristo”, inicia e acrescenta.

 

Além da oração, padre Éberson destaca que as comunidades podem refletir a partir da visita da Capelinha Vocacional – instrumento da Ação Evangelizadora na Arquidiocese. “A capelinha traz a motivação de oração e também pede que falemos sobre as vocações, dando o testemunho pessoal de como é importante viver a vocação, já que esse é um caminho de felicidade, uma resposta que damos ao chamado de Cristo”, complementa. “Que todas as comunidades possam celebrar com alegria este mês, rezando pelas vocações e dando testemunho de sua fé e, assim, sendo instrumentos para a construção do Reino de Deus”, conclui.

 

A cada final de semana

Tradicionalmente, no primeiro domingo, celebra-se sacerdócio e os ministérios ordenados; no segundo, o matrimônio junto à semana da Família e o Dia dos Pais; no terceiro, a vida consagrada, e por fim, no quarto, a vocação dos Leigos. Quando agosto tem cinco domingos, o último final de semana é dedicado aos catequistas de forma especial.

 

Sammara Garbelotto

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Passo Fundo

imprensa@arquidiocesedepassofundo.com.br

 


Indique a um amigo
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 2º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2019 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.