Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
Arquidiocese
 
13.Set - Trabalho da Fundação Lucas Araújo é reconhecido pela Câmara Municipal
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Trabalho da Fundação Lucas Araújo é reconhecido pela Câmara Municipal

Era 1915 e o tenente-coronel Lucas José de Araújo tinha um desejo: mudar o futuro de crianças órfãs ou em situação de vulnerabilidade social em Passo Fundo. Para isso, deixou, em testamento, suas terras para a primeira entidade que fundasse a casa de acolhimento. Em 1928, um grupo de mulheres, as “Damas de Caridade”, aprovava o estatuto da entidade. Assim foi plantada a semente do que é hoje uma Fundação que abrange o Lar da Menina Pe. Paulo Farina, as Instituições de Longa Permanência (ILP) São José e João XXIII e a Escola de Educação Infantil João Bosco e Menino Deus. A Fundação Beneficente Lucas Araújo completou 90 anos e o trabalhado foi reconhecido em Sessão Solene na Câmara de Vereadores, na tarde desta quarta-feira, 12.

 

Cuidar das pessoas
O vereador Saul Spinelli, que propôs a homenagem, destacou que a Fundação olha para o ser humano, desde o bebê, passando pela adolescência, até a terceira idade. “São 90 anos de trabalho numa cidade que tem 161 anos, sempre cuidando das pessoas. O município tem muito a agradecer a este trabalho, que transformou a vida de milhares de pessoas.”, enfatizou o parlamentar.

 

No Lar da Menina, são atendidas 115 crianças e adolescentes, entre 6 e 14 anos de idade. Elas frequentam a instituição no turno inverso ao da escola e desenvolvem oficinas gratuitas de reforço escolar, educação física, oficinas de canto, música, culinária, padaria, informática, dança e artes. O resultado deste trabalho pôde ser visto, ao vivo, no Momento Cultural da Sessão, apresentado por alunas e pelo professor de música. As menores também têm acesso ao ensino sobre valores morais, cristãos e cívicos, fazem refeições e outras atividades de integração e desenvolvimento humano. O lar leva o nome do Padre Farina, que vai completar 62 anos dedicados à fundação e hoje se concentra à parte espiritual da instituição.

 

Solidariedade
Os abrigos de idosos são o lar de 60 pessoas. Eles são separados por alas, de acordo com as necessidades. Os mais debilitados ficam na João XXIII e os mais independentes na São José. Cerca de 50 funcionários, de médicos a cozinheiros, garantem a eles uma vida de dignidade. Segundo a irmã Carmela Casanova, que já dedicou 27 anos à fundação, existe um movimento maior de solidariedade, de voluntários que doam seu tempo para contribuir neste trabalho, mas é importante também que as pessoas façam doações. “Alimentos não perecíveis, fraldas geriátricas, material de limpeza e higiene são sempre bem-vindos”. A Fundação acolhe os idosos e procura manter a família próxima, ajudando a reatar esses vínculos quando são rompidos.

 

As creches da Fundação foram ampliadas nessas nove décadas e tornaram-se a Escola de Educação Infantil João Busato e Menino Deus. Atualmente, ela recebe 100 crianças, dos 4 meses aos  5 anos e 11 meses, de vários bairros de Passo Fundo, e funciona em turno integral, beneficiando, por exemplo, as mães que trabalham e não teriam onde deixar os filhos. Segundo a diretoria Fundação, está cada vez mais difícil manter este trabalho e já está sendo estudado o fechamento da escola. Se a medida for executada, as crianças devem ser atendidas somente em caráter assistencial.

 

Para manter o atendimento às crianças e aos idosos, toda a estrutura física e o quadro funcional, a Fundação utiliza recursos próprios, vindos dos aluguéis, de convênios e da colaboração da comunidade.

 

Gratidão
Durante o seu pronunciamento, o diretor geral da Fundação, Luiz Costella, lembrou que Lucas Araújo foi vereador por dois mandatos e chegou a presidir a Casa. Ele agradeceu ao vereador Saul Spinelli pelo reconhecimento e o parabenizou por “se dedicar ao apoio das causas sociais, valorizando o que nós fizemos por amor ao próximo”. Ele também destacou que a Fundação mantém  uma creche noturna, em parceria com a Prefeitura, “essencial para aquelas mães que trabalham à noite”. Por último, recordou que a instituição deixa para os passo-fundenses um legado ambiental, que é o Bosque Lucas Araújo, uma área de preservação.

 

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Passo Fundo
imprensa@arquidiocesedepassofundo.com.br
Informações e fotos: Comunicação Câmara de Vereadores

 


Indique a um amigo
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 2º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2019 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.