Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
Arquidiocese
 
03.Jun - Arquidiocese acolhe Encontro de Candidatos ao Diaconato Permanente
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Arquidiocese acolhe Encontro de Candidatos ao Diaconato Permanente

A Casa de Retiros, em Passo Fundo, acolheu, no dia 2 de junho, o Encontro de Candidatos ao Diaconato Permanente. Assessorado pelo Arcebispo Metropolitano, dom Rodolfo Luís Weber, e pelo Coordenador Arquidiocesano de Pastoral, padre Ivanir Antonio Rampon, o encontro - que foi acompanhado, também, pelo padre Luís Signor, integrante da Equipe Arquidiocesana para o Diaconato Permanente e membro da Coordenação da Pastoral Presbiteral - reuniu os 13 estudantes da Arquidiocese de Passo Fundo que são originários dos municípios de Guaporé, Serafina Corrêa, Casca, Tapejara, Carazinho, Tapera e Passo Fundo.

 

Reflexão e serviço na Igreja
Parte da programação do encontro foi dedicada a uma apresentação em que os estudantes falaram sobre a sua família e a sua participação e serviço na Igreja. Em seguida, participaram de uma experiência de Leitura Orante da Bíblia a partir do texto de Atos dos Apóstolos (6,1-6) - momento em que se refletiu sobre o surgimento do ministério diaconal e sua relevância para o momento eclesial e social que vivemos. No terceiro momento do encontro, foi retomada a história do Projeto Diaconal na Arquidiocese, merecendo destaque a reflexão sobre os critérios de escolha para o ministério. Depois disso, iniciou-se um estudo das Diretrizes para o Diaconado Permanente da Igreja no Brasil: Formação, Vida e Ministério. O estudo do Documento nº 96 da CNBB, terá continuidade nos próximos encontros. Por fim, o grupo participou da Santa Missa da Ascensão do Senhor.

 

 

Discernimento
Os estudantes da Escola Diaconal estão em fase de discernimento vocacional. Mais adiante, os que desejarem poderão solicitar a admissão à ordem sacra. Se esta for aceita, então seguem outros passos do processo, como a solicitação ao ministério de Leitor, ao ministério de Acólito e, por fim, ao ministério do Diaconato Permanente. O Diácono Permanente recebe o Sacramento da Ordem e, por isso, faz parte do Clero da Igreja.

 

 

Você conhece a Escola Diaconal?
Construído de forma coletiva desde 2014, o projeto da Escola Diaconal teve início, de fato, ao fim de 2016 e envolve a Arquidiocese de Passo Fundo, a Diocese de Erexim e a Itepa Faculdades em uma proposta que busca a formação de diáconos permanentes a partir das orientações do Magistério da Igreja. A Escola Diaconal funciona no Seminário Nossa Senhora de Fátima, em Erechim, é assessorada pela Itepa Faculdades e é uma resposta às necessidades das Igrejas Particulares da Província Eclesiástica de Passo Fundo.

 

Ao todo, a formação dos diáconos permanentes está sendo realizada em 912 horas divididas em duas dimensões fundamentais: a intelectual e a humano-espiritual. No que diz respeito à dimensão intelectual, os conteúdos são trabalhados em 3 anos, aglutinados em três eixos centrais: fundamentação bíblica (Sagrada Escritura); fundamentação histórico-teológica (Igreja) e fundamentação pastoral (Missão). Junto com o conteúdo, é trabalhada transversalmente a dimensão humano-espiritual, na reflexão de alguns temas específicos, na convivência cotidiana do grupo, na participação de cada um na caminhada do curso, nos momentos orantes e celebrativos, nos retiros concluintes de cada ano do curso.

 

 

 

Para se candidatar à Escola Diaconal é preciso, em síntese, ter vocação ao ministério diaconal; testemunho de vida: homens de fé, de esperança e de caridade comprovada; saúde física, emocional, mental e espiritual e equilíbrio afetivo-emocional; estabilidade econômico-financeira e previdenciária; capacidade intelectual para acompanhar o curso, desenvolver o ministério e abertura à formação permanente;  envolvimento afetivo e efetivo na comunidade, com engajamento de cinco ou mais anos;  capacidade de diálogo, de comunhão eclesial (com o bispo, o presbitério e organismos), de liderança e espírito de equipe; aceitação, consentimento e colaboração efetiva da esposa e dos filhos; estabilidade matrimonial e vida familiar coerente com os ensinamentos da Igreja; espírito de oração, de serviço e interesse pelo estudo;  opção pela pobreza e pelos pobres e abertura para exercer o ministério nas mais diversas realidades; aceitação da comunidade e do presbitério.

 

Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Passo Fundo
imprensa@arquidiocesedepassofundo.com.br
Informações: 
Padre Ivanir Rampon | Coordenador Arquidiocesano de Pastoral


Indique a um amigo
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 2º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2019 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.