Arquidiocese de Passo Fundo
 
 
FORMAÇÕES
Outras Formações

Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
1 2
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
3
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
4
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
5
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
6
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
7
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
8
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
9
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
10
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
11
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
12
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
13
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
14
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
15
Notice: Undefined index: categoria in /home/arquidiocese/public_html/pg/artigos.php on line 113
16
09.Abr - Páscoa: a vitória da vida
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Páscoa: a vitória da vida


No primeiro domingo da quaresma, na liturgia eucarística, foi lido Gênesis 2, 7: “O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, soprou-lhe nas narinas o sopro da vida e o homem tornou-se um ser vivente”. O texto continua descrevendo o ambiente vital no qual o homem está inserido e do qual ele depende e faz parte.


O homem “tornou-se um ser vivente”. Todos os seres vivos têm um começo e um fim, por isso um aspecto da vida é a sucessão que acontece num tempo e num espaço. Do primeiro momento até o último suspiro a vida precisa de condições para manter-se e reproduzir-se. Precisa de cuidados permanentes, da alimentação, prevenção, proteção, cura. Ameaças permanentes a rondam e as mais perigosas são invisíveis a olho nu. Basta citar o coronavírus. Reconhecer a fragilidade dos seres vivos é o primeiro passo para estimular o cuidado.


Podemos afirmar que a estrutura da vida humana e da vida cristã tem um dinamismo pascal: da morte à vida. Também o caminho quaresmal está estruturado neste itinerário. Com a imposição das cinzas soou o alerta da fragilidade humana e o convite sonoro de converter-se e crer, isto é, de cuidar da vida seguindo pelo caminho proposto pelo Evangelho. A CF - Campanha da Fraternidade, em sintonia com a quaresma, amplificou o apelo de um compromisso com a vida. Sugere várias áreas de cuidado, dentre as quais destacamos.


Cultivar a si mesmo. As mudanças tão necessárias no mundo só se tornarão reais quando começarem por cada pessoa. Todos influenciam o ambiente em que vivem. As responsabilidades pessoais são intransferíveis.  Sugere a CF: “Cultivar boas amizades. Redescobrir o valor da vizinhança. Valorizar desde o simples cuidado com a própria saúde, até o lazer e o descanso, sem descuidar da solidariedade”. Vale recordar a frase de Santa Teresa de Calcutá: “Por vezes sentimos que aquilo que fazemos não é senão uma gota de água no oceano. Mas o oceano seria menor se lhe faltasse uma gota”.


Cultivar o santuário da família. As muitas transformações do mundo colocaram a família em crise, que por natureza é um santuário de vida. Ela é lugar mais natural para uma vida nova ser planejada, concebida, cuidada e desenvolvida. Comprometer-se em cultivar a vida familiar requer sabedoria e coragem, pois, muitas vezes exige mudar rotinas e hábitos, além de introduzir maiores espaços de convivência. Experimentar o prazer da simples presença.


Cultivar a comunidade eclesial. A Igreja, por natureza, é uma comunidade de fé e de partilha de vida. Um espaço privilegiado para ouvir os ensinamentos do Evangelho de forma comunitária; um lugar para celebrar e colocar em comum as alegrias, as vitórias e compartilhar as dores. Como comunidade eclesial cultiva-se a vida espiritual e consequentemente também o corpo.  O apóstolo Pedro já dizia que na Igreja todos são pedras vivas e construem um edifício que tem Cristo por fundamento. Ajudar a construir comunidades onde todos se sintam bem e frutifique a solidariedade e a fraternidade, é uma nobre missão.


Colaborar com a sociedade. O Papa Francisco sugeriu quatro atitudes para cultivar a vida social: acolher, proteger, promover e integrar. São atitudes que fazem de todos os cidadãos membros ativos, gera igualdade, inclusão e respeita as diferenças.


Vida eterna. A ressurreição de Jesus Cristo indica que a vida não termina com a morte. “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que tenha morrido, viverá” (João 11, 25). Cada dia de cuidado com a vida pessoal, familiar, eclesial e social vai conduzindo para a vida eterna. É a última passagem da morte à vida.



Dom Rodolfo Luís Weber

Dom Rodolfo Luís Weber

O arcebispo metropolitano de Passo Fundo, dom Rodolfo Luís Weber, escreve semanalmente artigos de opinião sobre temas diversos e latentes em nossa sociedade.

Indique a um amigo
 
CONTATO
Cúria Metropolitana
Rua Coronel Chicuta, 436 - 4º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9240

Centro de Pastoral
Rua Coronel Chicuta, 436 - 2º Andar | Edifício Nossa Senhora Aparecida - Centro - 99010-051 | Passo Fundo/RS
(54) 3045-9204
 
 
 

Copyright @ 2020 - Arquidiocese de Passo Fundo. Todos os direitos reservados.